quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Iguana azul: o réptil que possui o terceiro olho

Também conhecido como o Iguana da ilha Grand Cayman,o Iguana azul é uma espécie criticamente ameaçada de lagarto que é endêmica para a ilha de Grand Cayman. É conhecido como uma das espécies de lagartos que vivem mais tempo no mundo, com a idade máxima registrada em 69 anos. O recorde para o Iguana azul é de 67 anos.
O Iguana azul prefere viver em uma área de florestas secas que estão abertas, lugares rochosos, e que tenham abundância de sol. Caso contrário, eles preferem viver próximo da costa do mar porque as fêmeas do Iguana azul cavam a areia para desovar nos meses de junho e julho. A segunda postura dos ovos é em setembro. Sua dieta é puramente vegetariana. Eles comem frutas, flores e plantas.
Os cientistas descobriram que os registros fósseis indicam que o iguana azul foi muito abundante, antes de os europeus colonizaram a região. Infelizmente, menos de 15 animais permanecem na selva em 2003 e prevê-se esta população selvagem será extinto no século 21. Esta espécie tem sido levada à extinção por diversas razões. Estas incluem a predação por gatos e cães selvagens, e indiretamente pela destruição de seu habitat natural para criar fazendas de frutas ou de pastagens para o gado. Em 2004, foram soltos em uma área de preservação natural 219 animais criados em cativeiro para tentar salvar o Iguana azul e outras espécies silvestres na Grand Cayman Island.
É o maior animal terrestre nativo na ilha. Tem um comprimento total do nariz à cauda de 1,5 metros (5 pés), mas os machos são maiores do que as fêmeas. Ele pesa tanto quanto 30 libras (14 kg). As fêmeas são verde-oliva e azul claro. Os machos são de cor cinza escura com um tom levemente azulado. Nos macho um tom de turquesa azulado é mais visível durante a estação de acasalamento. Eles ficam azuis na presença de outros iguanas para sinalizar e estabelecer seu território.
O Iguana azul, também têm uma crista dorsal com 8 espinhos curtos que vão de seu pescoço até o final de sua cauda. Seus dedos são bastante articulados e eficientes para as escaladas em árvores e cavar buracos. Eles foram observados subindo em árvores com 15 pés (4,6 m) e mais altas.
Este Iguana têm excelente visão que lhes permite detectar movimentos e formas a longas distâncias. Eles também desenvolveram um órgão fotosensor no topo de suas cabeças, que é chamado de olho parietal. Também é chamado de glândula pineal, olho pineal, ou terceiro olho. Embora esse olho não funcione como um olho normal porque tem uma retina e objetiva simples, e não pode formar imagens. No entanto, é sensível às mudanças de luz e escuridão, e pode detectar movimento.



Fonte: http://www.itsnature.org

6 comentários:

akhal disse...

Caramba Nunca tinha visto essa iguana muito interessante.Adorei o post

Fuck Bush disse...

deus criou os animais...

então tá bom.

Adams de Oliveira disse...

Deus não existe. Darwin explica...

Mirian Fidelis Guimarães disse...

Que coisa mais fofa!!! Eu amo iguanas e esta é espetacular!!! Azul!!! Linda, linda!

Mischa Lewf disse...

muito interessante esse olho perietal... a natureza sempre surprende o ser humano babaca que acha que sabe tudo xD

zigdip disse...

Que animal maravilhoso!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...