sábado, 7 de agosto de 2010

O assombroso Lago Mono

O Lago Mono foi formado por uma erupção vulcânica há pelo menos 760 mil anos atrás. Localizado nas montanhas Mammoth, na Califórnia oriental – E.U.A, esta grande depressão está instalada em um vale considerado a maior caldeira do planeta.

O lago está situado a norte das crateras Mono-Inyo, uma série de pequenos vulcões, curiosamente localizados em uma linha reta. Embora tenha diminuído gradualmente, no passado suas águas cobriam grande parte de Nevada e Utah, por isso é considerado um dos mais antigos lagos nos Estados Unidos. A sua erupção mais recente ocorreu há 350 anos produzindo a cratera Panum, pertencente a um grupo seleto de Mono-Inyo. Alimentado pelo rio Owens, este divisor de águas interiores era um ecossistema saudável, mas desde 1941, foi decidido desviar as águas para fornecer recursos para áreas de cultivo de Los Angeles, tornando-o um lago que parece de outro planeta. Os níveis de salinidade começaram a subir rapidamente, atingindo 280 milhões de toneladas de sais dissolvidos.
Atualmente, o que consegue viver nessas águas é uma alga microscópica de plâncton que serve de comida para a estrela do lago, o famoso Brine Shrimp, um pequeno crustáceo que não pode ser encontrado em qualquer outro lugar da Terra. Não tem nenhum valor nutricional para os seres humanos, mas para as aves na área.
Os primeiros habitantes da região foram os Kutzadika'a, os descendentes dos Yokuts, um grupo étnico que vivia na área Yosemite, particularmente no vale de San Joaquin.
Esse é o aspecto que tem esta maravilhosa área, e o incrível Mark Twain, mencionou em seu livro de literatura de viagens, "The Innocents Abroad".
"The Diver" é o título de uma fotografia tirada no lago, que foi utilizada para o álbum "Wish You Were Here" do lendário Pink Floyd. Mesmo Clint Eastwood fez vários disparos em um filme, "High Plains", estrelado e dirigido por ele. Para filmar foi construída uma cidade inteira nas margens do lago Mono.
Hipersalino e alcalino este incrível lago das montanhas Mammoth leva todo o visitante a um submundo que parece pertencer ao ecossistema de outro planeta, deixando na memória, toda a beleza incrível do assombroso lago Mono.

Fonte:http://elbauldejosete.wordpress.com

Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...