terça-feira, 13 de julho de 2010

Lonomia obliqua:A lagarta mais mortal do mundo


A Lonomia obliqua é tão frágil quanto qualquer outro lagarta que você possa ter visto, mas isso não irá impedi-la de causar uma hemorragia interna grave e até morte, se você apenas tocá-la.
Esta lagarta terrível vive nas florestas da América do Sul, e causam várias mortes a cada ano, especialmente no sul do Brasil, onde são normalmente encontradas nas cascas das árvores. Misturando-se perfeitamente com seu habitat, as lagartas Lonomia obliqua, muitas vezes não podem ser evitadas de serem tocadas. A maioria dos incidentes ocorre quando os menos desavisados encostam-se em uma árvore e tocam em uma lagarta, que libera um veneno anticoagulante muito poderoso.
O sintoma de envenenamento por Lonomia obliqua incluem hemorragia interna grave, insuficiência renal e hemólise. Se a pele entra em contato com várias lagartas, o resultado é muitas vezes a morte. A dose letal da toxina secretada por esta criatura terrível está entre as mais baixas de todas as toxinas conhecidas.
Há um lado positivo com relação a lagarta Lonomia obliqua, seu potente anticoagulante pode ser usado na prevenção de risco de coágulos do sangue. Uma pesquisa está sendo realizada na esperança de isolar algumas substâncias farmaceuticas valiosas. Enquanto isso não acontece, tudo que você pode fazer é se abster de encostar em árvores, na próxima vez que você estiver na região sul do Brasil.


3 comentários:

thiago disse...

A informação é interessante, mas o texto tá bem mal esrito :s

Tiagão disse...

Também conhecida como Taturana é facilmente encontrada em amoreiras. Geralmete ficam agrupadas em um mesmo galho em grupos que variam de 7 a 15 lagartas por "foco".

Carol Viegas disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...