quinta-feira, 13 de maio de 2010

Elefantes Africanos podem ser extintos em 15 anos


O maior mamífero terrestre está sendo impiedosamente abatido por caçadores de marfim e poderá chegar à extinção. Com uma população atualmente beirando cerca de 600.000 está ocorrendo uma diminuição drástica no número de indivíduos chegando a 38 mil mortes por ano.
Estes valores, foram calculados utilizando o número anual de apreensões de marfim ilegal, que excedem significativamente as taxas de natalidade significando que o elefante poderia enfrentar a extinção da espécie inteiramente dentro de 15 anos, afirma Samuel Wasser da Scientific American Journal.
O comércio ilegal de animais selvagens em todo o mundo é avaliado em 10 bilhões de dólares americanos e acredita-se ter o mesmo significado agora com o comércio de diamantes de sangue durante o auge da guerra civil Africana. Em 2006, 11 toneladas de marfim ilegal foram apreendidas em navios com destino a Taiwan e Japão.
O Fundo Internacional para o Bem-Estar Animal (IFAW) diz que uma ação imediata deve ser tomada. O grupo formado por membros da União Européia e membros da CITES (Convenção sobre o Comércio Internacional de Espécies Ameaçadas) pretendem parar de apoiar as vendas de marfim legal. Em vez disso, devem incentivar os membros a apoiar a proposta do Quênia, para estender o período atual de "congelamento" das vendas de marfim de elefantes de nove a 20 anos na próxima reunião da CITES.
"Este nível alarmante de caça ilegal poderia levar o elefante Africano para a extinção em grande parte da África, em apenas 15 anos", disse Robbie Marsland, diretor da IFAW do Reino Unido.
Ele acrescentou: "A maioria das pessoas ficará chocado ao ouvir que, 20 anos depois da proibição do comércio internacional de marfim, elefantes na África ainda são ameaçados pela caça comercial. O comércio de marfim deve ser proibido, uma vez mais, e de forma abrangente, se quisermos evitar a extinção dos elefantes”.
"Infelizmente, a verdade é que o comércio de marfim em qualquer lugar é uma ameaça aos elefantes por toda parte."
O Parque Nacional Zakouma do Chade tinha 3.885 elefantes em 2005, mas até 2009 o número havia caído para apenas 617. Pelo menos 11 guardas foram mortos por caçadores furtivos no mesmo período. Os elefantes não estão sozinhos no tráfico ilegal de peças de animais selvagens. Nos últimos anos, 55 mil peles de répteis da Índia, 19 mil barbatanas de tubarão thresher no Equador e 23 toneladas de pangolin na Ásia foram apreendidos.


Um comentário:

JenRocks disse...

NEW YORK - Investigators combed through security video and other evidence on Monday in the hunt for suspects in a replica rolex failed car bombing in New York's Times Square. New York Police Commissioner Raymond Kelly said a white man in his 40s was spotted in security video footage about fake watch half a block from where the vehicle was left on Saturday evening with its engine running and hazard lights flashing. In a video fake rolex watch released by the police, the man, who appears to be thin, is seen removing a dark shirt, stuffing it into some sort of bag and walking away down the sidewalk, carrying the bag and glancing at least twice over his shoulder.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...